Archive for the ‘musica’ Tag

Música no Brasil, hoje

Quem diria que entre as 10 músicas mais tocadas no ano, no Brasil, não entram o “parabéns pra (a) você” (13º lugar) e que a única música gringa é da Adele. Duas vezes.

E a gente tá aqui, tentando fazer Rock, através do Huaska, do Dest_lado e de milhares de bandas Brasil afora, suando na palheta… vish! Me veio na cabeça o sucesso dos Mamonas Assassinas… E que fica claro que tanto fazia (ou pouco fazia) que fosse rock ou não. Duplo vish.

O mais loco é o número 10: “João Bosco e Vinícius”… que não é nem do João Bosco original e nem do Vinícius de Moraes, como alguém pode surrealmente imaginar… é uma dupla sertaneja :)

ImagemSe liga na lista:

  1. Ai se eu te pego – Michel Teló
  2. Balada – Gusttavo Lima
  3. Humilde Residência – Michel Teló
  4. Fugidinha – Thiaguinho
  5. Assim você mata o papai – Sorriso Maroto
  6. Eu quero tchu, eu quero tcha – João Lucas e Marcelo
  7. Someone like you – Adele
  8. Set fire to the rain – Adele
  9. Amo noite e dia – Jorge e Matheus
  10. Chora me liga – João Bosco e Vinícius

abaixo, ponho o texto que saiu hoje na Folha sobre isso, que vale dar uma lida, pra chorar…

Texto publicado dia 26/06/13 na Ilustrada, Folha de São Paulo, por Thales de Menezes:

“Thiaguinho, Pezinho e Vitinho são os ‘grandes’ nomes da MPB de hoje

Lista das canções mais executadas no país é dominada por promiscuidade musical entre sertanejos e pagodeiros

MÚSICAS DE TIM MAIA E BEN JOR SÓ APARECEM ENTRE AS MAIS TOCADAS POR CAUSA DOS KARAOKÊS

THALES DE MENEZES EDITOR-ASSISTENTE DA “ILUSTRADA”

Entre as músicas mais tocadas no país em 2012, algumas foram compostas por Thiaguinho, Rodriguinho, Pezinho e Vitinho. A campeã de execuções tem cinco palavras no título, das quais quatro são monossílabos. Sem dúvida, a música brasileira vive agora um momento menor.

A liderança é incontestável. “Ai Se Eu Te Pego” rodou o mundo, de coreografia de gol do Real Madrid à trilha sonora de estação espacial. Com sua letra, digamos, minimalista, não teve barreiras.

Mas a análise da lista mostra que o hit de Michel Teló não é uma fatalidade isolada, é indício de uma pandemia.

A lista recém-divulgada pelo Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição, órgão responsável pela arrecadação de direitos autorais no país) engloba execuções em rádios, shows, casas noturnas e bares com música gravada ou ao vivo, salões de festas e até karaokês.

Juntando tudo isso, o domínio é forte do sertanejo universitário –o Ministério da Educação deveria fazer algo contra essa denominação.

Teló leva medalhas de ouro e bronze, porque aparece também em terceiro, com “Humilde Residência”. Entre as telonianas, surge “Balada”, de Gusttavo Lima, exemplo mais bem-acabado do ídolo sertanejo moderno, de calça justa e cabelo espetado.

Em quarto lugar aparece o pagodeiro Thiaguinho e sua “Fugidinha”. Ele é autor de quatro canções entre as 50 mais executadas, com os parceiros Pezinho, Rodriguinho e Gabriel Barriga.

Não é aconselhável se falar em um embate entre sertanejo e pagode. Em busca de sucesso amplo e fácil, artistas de um gênero cantam sem preconceito hits do outro. O exemplo mais célebre dessa promiscuidade é Teló incluir “Fugidinha” em seus shows.

A inglesa Adele, maior vendedora de CDs no planeta, é a única estrangeira entre as dez mais, com duas músicas.

Percorrer a lista até a 50ª posição mostra muitos títulos da fórmula “pegar você”. Alguns chamam a atenção, como “Camaro Amarelo”, de Munhoz & Mariano, em 17º –cada geração tem o “Fuscão Preto” que merece– e “Sou Bravo (Sou Foda)” (16º), obra de Vitinho Avassalador que dispensa comentários.

Os únicos nomes de uma MPB mais consolidada no top 50 são Tim Maia, com “Não Quero Dinheiro” (15º) e “Gostava Tanto de Você” (47º), e Ben Jor, com “País Tropical” (38º). A presença desses hits mais antigos se deve às execuções em karaokês.

Como casas de festas estão incluídas, “Parabéns a Você” surge em 13º lugar! Sim, a música que todos cantam nos aniversários tem registro oficial. Foi composta por duas irmãs americanas em 1912 e tem tradutores brasileiros.

Se esse ranking representasse qualidade musical, “Parabéns a Você” superaria sertanejos e pagodeiros.”

Gotcha!

.

iuhaeiuhea

pow, eu tava dirigindo na rua Treze de Maio e vi um carro da Google tirando foto de mim!

:)

Catei o cel e tirei uma foto dele tb… cacete!!!

foi embaixo do viaduto Armando Puglisi, cruzamento da Brig Luis Antonio com a Treze de Maio.

e já que o Post tem o nome de um dos filmes clássicos dos anos 80, o Gotcha! – Uma arma do barulho,  aqui vai o CD  dele pra baixar:


Essa trilha tem bandas ultra-famosas, como: Camelflage, Giuffria, Hubert Kah… iuhaeiuhea mas tb tem Joan Jett & The Blackhearts e Bronski Beat! :)

eu lembro que gostava desse filme quando era pequeno iuaheuiehuiahe

Gotcha (“te peguei” em ingles) tem esse nome ridiculo pq é sobre uns muleques nerds que brincavam de paintball na cidade, e a ideia era sempre andar “armado”, na escola, rua, trabalho e acertar outro imbecil de surpresa e gritar Gotcha!

o paintball ainda desconhecido na epoca do filme e acho que ele ajudou a popularizar…  todo muleque sonhava em ter uma arma dessas uiaheuihea

(clique na capa do “filmão” pra baixar a trilha sonora de Gotcha!)